O estalão do Collie (KC-FCI) — 156   

Características: Para lhe permitir realizar a sua inclinação natural como cão pastor, a estrutura física do collie deve definir-se pela força e pela actividade, livre de toda a lentidão e sem qualquer traço de conformação tosca. A sua expressão, um dos pontos mais importantes se considerarmos os valores relativos, deve demonstrar um equilíbrio perfeito e uma feliz combinação entre crânio e cara, tamanho, forma, cor e posição dos olhos, além do porte e da posição das orelhas. O temperamento do collie tem de ser alegre e amistoso, nunca nervoso e agressivo.

    Aspecto Geral: O collie deve dar de imediato a impressão de ser dotado de grande inteligência e de ser um cão alerta e activo. Parado, tem de exibir grande dignidade. Seus movimentos, guiados por uma estrutura anatómica perfeita, sem partes desproporcionais, precisam ter uniformidade e elegância. Ele deve também manter a aparência de um cão apto ao trabalho.

    Cabeça e Crânio: As características da cabeça, extremamente importantes, devem ser proporcionais ao tamanho do cão. Vista de frente ou de perfil, a cabeça tem de parecer uma cunha claramente perfilada, de ângulos arredondados e silhueta suave. Deve apresentar crânio plano, com os lados estreitando-se suave e gradualmente desde as orelhas até a extremidade do nariz. As maçãs do rosto não devem ser proeminentes e o focinho não pode mostrar-se afundado. Vistas de perfil, a linha superior do crânio e a do focinho precisam estar em planos rectos paralelos de igual comprimento, divididos por um stop suave mas perceptível. Bem a meio caminho entre os dois ângulos internos dos olhos (que corresponde ao centro de um stop ideal) deve situar-se o ponto de equilíbrio do comprimento da cabeça. Focinho suave, longo e arredondado com a extremidade achatada; não deve ser pontiagudo nem quadrado. Mandíbula inferior forte, claramente demarcada; a profundidade do crânio, desde as sobrancelhas até a parte inferior da mandíbula, não pode ser excessiva. Independentemente da cor do manto, o cão tem de apresentar sempre um nariz negro.

    Olhos: Os olhos são um traço muito importante e devem transmitir uma expressão de doçura. De tamanho médio, situados obliquamente, em forma de amêndoa, de tom castanho-escuro, excepto nos exemplares blue-merle, nos quais os olhos (um ou ambos) são frequentemente azuis ou apresentam mechas dessa cor. Sua expressão precisa demonstrar grande inteligência, com um olhar vivo e atento quando o cão estiver alerta.

    Orelhas: As orelhas devem ser relativamente pequenas, largas na base e implantadas, não muito juntas uma da outra nem excessivamente distanciadas. Com o animal em repouso, apresentam-se levemente caídas para trás; mas quando o cão estiver alerta, deverão se voltar para a frente, mantendo-se semi-erectas, isto é, com uns dois terços da orelha erguidos e o terço superior caindo com naturalidade para a frente, abaixo da linha horizontal.

    Dentes: Os dentes precisam ter bom tamanho, com os incisivos inferiores nitidamente encaixados por trás dos incisivos superiores, mas se houver um pequeno espaço entre eles, isso não constituirá defeito grave, pelo qual o cão possa ser duramente penalizado.

    Pescoço: Pescoço bem musculado, potente, de comprimento razoável e bem arqueado.

    Extremidades Anteriores: Os ombros devem ser oblíquos e bem angulados. Patas rectas e musculadas, com cotovelos bem alinhados, sem contudo voltarem-se para dentro ou para fora, e com ossos discretamente marcados. O antebraço deve ser carnoso e as canelas flexíveis, sem demonstrar fragilidade.

    Corpo: Corpo algo comprido, comparado à altura do cão, com uma linha dorsal nivelada e firme, elevando-se ligeiramente em direcção ao lombo. Costelas bem abertas. Peito profundo, relativamente amplo atrás dos ombros.

    Extremidades Posteriores: Os membros posteriores têm de ser bem musculados na altura das coxas, delineados e inervados mais abaixo. Articulação do jarrete bem angulada. Jarretes baixos e poderosos. Os machos devem ter testículos com aparência normal e boa posição no escroto.

    Patas: Ovalados, com as almofadas plantares bem grossas. Dedos arqueados e cerrados. Os pés posteriores menos arqueados que os anteriores.

    Andamento: O movimento é uma das características mais importantes dessa raça. Um collie bem proporcionando jamais coloca os cotovelos para fora ao movimentar-se, andando com as patas dianteiras relativamente próximas entre si. Remar, cruzar ou bambolear as extremidades anteriores é altamente indesejável. As extremidades posteriores, desde a articulação do jarrete até o solo, devem ser paralelas, poderosas e de grande vigor, vistas de todos os ângulos. De lado, o movimento deve ser ligeiro e linear. É desejável o passo largo e ligeiro, dando a impressão de que o cão não faz qualquer esforço em seu deslocamento.

    Cauda: A cauda deve ser longa e as vértebras caudais devem chegar pelo menos até a altura da articulação do jarrete. Quando o cão está parado, a cauda tem de ficar baixa, com a extremidade levemente arqueada para cima. Pode ser conduzida alta e com alegria quando o cão está excitado, embora não seja recomendável ficar sobre o dorso.

    Manto: O pêlo envolve todo o contorno do cão. É muito denso. O pêlo de cobertura, recto e áspero ao tacto. Sub pêlo suave, denso e compactado, a ponto de esconder a pele. Cinza e peitoral precisam ter pêlo muito abundante. Pêlo liso sobre o focinho, assim como na extremidade das orelhas, torna-se mais abundante na base das mesmas; os membros anteriores, bem providos de franjas; os membros posteriores com franjas abundantes abaixo dos jarretes, mas de pêlo liso. Cauda com pelagem também muito abundante.

    Corpo: Corpo algo comprido, comparado à altura do cão, com uma linha dorsal nivelada e firme, elevando-se ligeiramente em direcção ao lombo. Costelas bem abertas. Peito profundo, relativamente amplo atrás dos ombros.

    Pêlo: as três cores reconhecidas são: fulvo e branco, tricolor e blue-merle (azul-merle) :

- Cor fulvo: pode ser de qualquer tonalidade, variando entre o ouro claro e o castanho-escuro ou sombreado de negro. São altamente indesejáveis as cores palha ou creme-claro.

- Tricolor: predominantemente negro com manchas de cor amarelo-terra nas patas e na face (bochechas). Indesejável qualquer traço de cor ferrugem no manto.

- Blue-merle: predominantemente claro, azul-prateado, salpicado e jaspeado de negro. É preferível a presença de manchas cor de fogo intenso, embora a sua falta não possa ser considerada um defeito. São altamente indesejáveis as manchas negra de grande dimensão, cor cinza-escuro ou vestígios de cor ferrugem no manto ou no sub pelo.

    Manchas brancas: todas as cores descritas anteriormente podem ter manchas brancas características do collie em maior ou menor grau. As seguintes manchas são consideradas correctas: colar branco, completo ou parcial; peitoral, pernas e pés brancos; extremidade da cauda. O cão pode apresentar também uma mancha branca no focinho, no crânio ou em ambos.

    Porte: machos de 56 a 61cm na cernelha. Fêmeas de 51 a 56cm. Peso: de 20,5 a 29,5kg nos machos e de 18 a 25kg nas fêmeas.

    Defeitos: Cabeça de comprimento desproporcional ao corpo; crânio malconformado ou cabeça desproporcional devem ser excluídos. Focinho frágil ou pontiagudo; crânio arredondado; nariz arrebitado. Prognatismo; enognatismo. Falta de dentes. Olhos redondos, claros, vítreos ou fixos constituem defeito grave. Orelhas completamente caídas, sem que o cão consiga erguê-las; orelhas totalmente pontiagudas e erectas, de inserção baixa ou excessivamente lateral. Corpo curto ou rechonchudo. Costelas planas. Omoplatas rectas. Ângulo fêmuro-tibial excessivamente aberto; "pé-de-lebre"; pés desviados para fora ou para dentro. Plantas compridas ou muito brandas. Cauda curta, enroscada, desviada lateralmente ou conduzida sobre o dorso. Pêlo suave, fino ondulado ou sedoso. Sub pelo insuficiente ou falta de lã (esta última circunstância somente é penalizada nas épocas de frio, quando o exemplar deve exibir a pelagem em seu máximo esplendor; nas demais épocas, a lã deve ser bastante escassa, quase imperceptível). Cão medroso.

 

 
Macho
Champ Dogs      Collie Online      Collie Pedigree      Collies in Show      CPC      Criadores      Dogs Worldwide      eurobreeder      FCI      trasdepastores